Trovador persistente

Nem a paralisia, que afeta sua coordenação motora, impede o contista Vinícius Fonseca de carregar sua poesia até as pessoas que ele deseja emocionar

Por Mariana Guerin

Ser diferente é normal. Esse é o lema de vida do jornalista e gestor de recursos humanos sorocabano Vinícius Rodrigues da Fonseca, 32 anos. Convivendo com uma paralisia desde o nascimento, ele não deixa as dificuldades limitarem seus sonhos e só durante a pandemia lançou três livros. Um deles é uma coletânea de contos que tem o lucro das vendas revertido para o Fundo de Combate ao Coronavírus e também para a ong Médicos Sem Fronteiras. “Sou apenas mais um humano na fila dos sonhos lutando para que os seus possam ser realizados”, declara.

Continuar lendo “Trovador persistente”

Com ou sem Trump, Governador Valadares mantém o sonho americano

Cultura de migração para os Estados Unidos e economia influenciam mais fluxo para o Norte do que retórica agressiva, diz especialista

Fábio Galão

Quando se fala em migração brasileira para os Estados Unidos, uma referência imediata é a cidade mineira de Governador Valadares. O republicano Donald Trump venceu a eleição presidencial americana em 2016 com um virulento discurso anti-imigração e adotou durante seu mandato um sistema de deportações rápidas, sem análise judicial, referendado pela Suprema Corte. Sendo assim, sua derrota para o democrata Joe Biden no pleito deste ano representaria um alívio no município polo do Vale do Rio Doce, certo? Não necessariamente.

Continuar lendo “Com ou sem Trump, Governador Valadares mantém o sonho americano”

Metade dos candidatos a prefeito assina plano ‘Londrina sem LGBTfobia’

Termo de compromisso proposto por entidades representativas propõe ações para uma cidade mais solidária e sem discriminação

Cecília França
Colaborou Nelson Bortolin

Cinco dos dez candidatos à Prefeitura de Londrina assinaram o termo “Dez pontos por uma Londrina sem LGBTfobia”, proposto por entidades e coletivos representantes desta população. Boca Aberta (PROS), Barbosa Neto (PDT), Carlos Scalassara (PT), Marcelo Belinati (PP) e Márcio Sanches (PCdoB) foram os que aderiram; Águila Misuta (MDB), Álvaro Loureiro (PV), Junior Santos Rosa (Republicanos), Márcio Stamm (Podemos) e Tiago Amaral (PSB) declinaram. Stamm justificou seu posicionamento às entidades.

Continuar lendo “Metade dos candidatos a prefeito assina plano ‘Londrina sem LGBTfobia’”

Acusada

Por Carlos Monteiro*

Virou moda. Acusar sem provas, parece ser a tônica atual para ‘se livrar’ do indesejável, do que incomoda, do que atrapalha planos. Três episódios recentes deixam isso mais que claro: Trump e o negacionismo da vitória de Biden, Bolsonaro, politizando, de forma xenofóbica e ideológica, a vacina chinesa e Russomano censurando, por meio de liminar, a divulgação da pesquisa de intenção de votos realizada pelo Datafolha.

Continuar lendo “Acusada”

Conheça as propostas dos candidatos a prefeito para a população de rua

Postulantes participaram de seminário realizado ontem (9) sobre o tema; candidatos ausentes enviaram suas proposições à Lume

Cecília França

Apenas três dos dez candidatos à Prefeitura de Londrina citam a população de rua em seus projetos de governo protocolados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE): Carlos Scalassara (PT), Marcelo Belinati (PP) e Márcio Stamm (Podemos). Os outros postulantes, no entanto, tiveram ontem (9) a oportunidade de apresentar propostas para este público durante seminário promovido pelo Práxis Itinerante Pop Rua da Universidade Estadual de Londrina (UEL).

O seminário virtual contou com a participação de sete candidatos: Águila Misuta (MDB), Álvaro Loureiro (PV), Barbosa Neto (PDT), Boca Aberta (PROS), Scalassara, Belinati e Márcio Sanches (PCdoB). Não compareceram Márcio Stamm, Tiago Amaral (PSB) e Junior Santos Rosa (Republicanos). Os dois últimos enviaram suas propostas à Lume, a pedido da reportagem.

Continuar lendo “Conheça as propostas dos candidatos a prefeito para a população de rua”

Familiares de presos pedem volta das visitas

Detentos do Paraná estão sem receber parentes desde o início da pandemia, em março

Nelson Bortolin

Um grupo de cerca de 200 pessoas de várias regiões do Estado foi a Curitiba nesta segunda-feira (9) reivindicar que as visitas sejam restabelecidas nas penitenciárias do Paraná. O protesto de familiares dos detentos foi feito em frente ao Palácio do governo. Os manifestantes foram informados que o governador Ratinho Júnior não se encontrava na Capital e nenhuma autoridade se prontificou a recebê-los.

Continuar lendo “Familiares de presos pedem volta das visitas”

Coletivos e entidades propõem a candidatos compromisso com ‘Londrina sem LGBTfobia’

Documento com dez propostas foi enviado aos postulantes à prefeitura de Londrina e prevê compromissos por uma cidade solidária, laica e sem discriminação

Da Redação

Dez coletivos e entidades representantes da população LGBTI+ de Londrina propuseram aos dez candidatos a prefeito um termo de compromisso intitulado “Dez pontos por uma Londrina sem LBGTfobia”. O documento reúne itens como o plano municipal de promoção da cidadania e direitos humanos; o conselho municipal de direitos da população LGBTI+; decreto que determina o uso do nome social de travestis e transexuais por todos os órgãos da administração pública, além de mecanismos de monitoramento da lei municipal 8812/2002, que estabelece penalidades aos estabelecimentos que discriminarem pessoas em virtude de sua orientação sexual.

As assessorias e coordenações de campanha dos dez candidatos à Prefeitura de Londrina já receberam o termo e Márcio Sanches (PCdoB) e Boca Aberta (PROS) já o assinaram; outros dois – Carlos Scalassara (PT) e Barbosa Neto (PDT) – se comprometeram com a adesão. As entidades e coletivos esperam ter todos os retornos até amanhã (10), quando tornarão os compromissos públicos.

A iniciativa é do Fórum LBGT de Londrina e Região e reúne o Coletivo Elity Trans; Coletivo de Homens Transexuais de Londrina Resiliência T; Rede LGBT Ubuntu; Roda de Conversa Sexualidade e Espiritualidade da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil; Movimento Construção, Bloku da Elke; Associação Londrinense Interdisciplinar de Aids (Alia); Mães pela Diversidade e Comissão de Direitos Humanos da Subseção da OAB em Londrina (CDH/OAB Londrina).

Vinícius Yoma Bueno articula o Fórum LGBT e explica o porquê do documento. “O município de Londrina precisa reconhecer a existência de pessoas LGBT. A gente é médico, cabeleireiro, vendedor ambulante. A gente quer ser tratado pelo que a gente é. Moramos em Londrina, pagamos impostos e precisamos de políticas públicas. Não de discriminação”. 

Coordenadora em Londrina do Mães pela Diversidade, Sônia Camargo espera que as reivindicações tenham apoio dos candidatos. “Seja qual for o pretendente que assuma a prefeitura deve ter o compromisso de tornar essa cidade acolhedora e aberta à população LGBT. Para o ‘Mães’, todo e qualquer LGBT é nosso filho. E merece direito à saúde, moradia, além de respeito”.

Confira os 10 pontos propostos pelos coletivos e entidades:

Candidatos a prefeito são convidados a assumir compromissos com a população de rua

Seminário promovido nesta segunda-feira (9) pelo Práxis Itinerante Pop Rua da UEL e parceiros pretende informar postulantes sobre direitos dessas pessoas

Cecília França

Foto em destaque: Bruno Mazonni

Acontece na manhã desta segunda-feira (9), de forma virtual, o II Seminário Temático Práxis Itinerante Pop Rua, com as presenças dos candidatos a prefeito de Londrina. O evento tem como objetivo fornecer informações sobre a população de rua por meio de uma mesa-redonda com as participações de representantes do Ministério Público do Paraná e da Defensoria Pública da União.

Continuar lendo “Candidatos a prefeito são convidados a assumir compromissos com a população de rua”

Candidatas negras relatam violências sofridas no processo eleitoral

Pesquisa inédita do Instituto Marielle Franco aponta ataque virtual como principal denúncia das postulantes

Da Redação

Quase a totalidade das mulheres negras candidatas nas eleições municipais deste ano relatam ter sofrido violências durante o processo eleitoral. Noventa e oito vírgula cinco por cento (98,5%) denunciam mais de um ataque sofrido dentre os elencados pela pesquisa inédita Violência Política contra Mulheres Negras. O levantamento, realizado pelo Instituto Marielle Franco, ouviu 142 candidatas aos cargos de vereadoras, vice-prefeitas e prefeitas em 21 estados brasileiros.

Continuar lendo “Candidatas negras relatam violências sofridas no processo eleitoral”

Carta para Madame Satã, minha bisavó da família LGBTQIA+

Por Régis Moreira*

Foto em destaque: João Ker, Revista Híbrida

Querida bisa Satã, guerreira ancestral de luta por vidas vivíveis fora do armário, você continua a ser hostilizada por aqui e teve seu nome retirado da Fundação Zumbi dos Palmares, pelos capitães do mato contemporâneos. Quanta injustiça! Mais uma! Mas vamos reverter isso!

Continuar lendo “Carta para Madame Satã, minha bisavó da família LGBTQIA+”