Repense

Por Antonio Rodríguez*

Sentar
Respirar
Pensar
Relaxar
Continuar.

No meio dessa correria diária
É bom olhar o horizonte
Encarar o infinito
Descobrir que tudo é finito.

Parar para olhar o céu
Encarar o universo
Olhando pela janela da alma
Vendo a janela do universo.

Respirar a natureza
Ser parte do que sempre foi
Mas ter consciência disso
Quase uma conexão de alma.

Regar o quintal
Com a lágrima de esperança
Floresce no coração
Um buquê de motivos pra seguir.

E quando a noite cair
Observe a lua
Agradeça o dia
E faça um pedido pro dia seguinte.

Sente
Respire
Pense
Relaxe
Durma
E sonhe…

As vezes em meio a tudo que acontece diariamente nos esquecemos de respirar, absorver o ar além do oxigênio. Observar o céu, a infinitude do universo e a finitude da nossa existência, se render aos pensamentos filosóficos inapropriadamente apropriados a esse instante. Se agarrar à xícara de café como se esta fosse a única coisa que nos impedisse de sair flutuando sem rumo e revelar sua alma para a lua em troca do brilho dela toda noite.
Enfim, lembre-se de viver um pouquinho hoje.
Amanhã.
E sempre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s